Bretão

O cavalo bretão é uma das raças mais icônicas, se assim podemos dizer, de cavalo existente no mundo, mesmo que em menor quantidade do que outrora.

A imagem de um cavalo mais “encorpado”, “robusto” dá ao cavalo bretão um charme a mais, pois ele se diferencia de quaisquer outras raças de cavalo que são.

História da raça equina Bretão

Registros apontam que o cavalo bretão, ou melhor, a sua raça surgiu por volta de 1830.

A raça, isto é, cavalo bretão recebe esse nome pelo fato de ter sido visto pelas primeiras vezes na região da Bretanha, noroeste da França.

Historiadores e veterinários apontam que o cavalo bretão é o resultado do cruzamento da raça Norfolk (raça de origem inglesa), Percheron e Ardennais (raças de origem francesa) com éguas já existentes na mesma região, isto é, na Bretanha. Porém, não eram éguas “normais”, já que têm, como característica, o grande porte.

Além das fotos deste artigo que deixam a imagem dessa raça mais clara, é possível que você se lembre do cavalo bretão em filmes de época, pois no período entre o final do século 19 e o início da primeira guerra mundial (1914), o cavalo bretão era bem quisto na França.

Afinal, por ter um corpo robusto e com mais vitalidade que as demais raças, ele era utilizado como animal de tração na agricultura, principal economia na época de uma população, até então, predominantemente rural.

Ademais, o cavalo bretão, por mais estranho que possa parecer devido ao seu porte, tem como característica a docilidade. Com isso, o seu adestramento é fácil, pois além disso, essa raça também é conhecida pela sua inteligência.

Características do Bretão

Dentre as inúmeras particularidades dessa raça, podemos destacar entre as principais:

  • Altura que varia, em média, entre 1,60 a 1,80m;
  • As cores de suas pelagens predominantes são castanha e alazão, com destaque para suas crinas que costumam ser mais claras que a pelagem em si;
  • Sua cabeça é quadrada, dando à essa raça um perfil reto;
  • As orelhas são pequenas;
  • Peito amplo e forte, assim como suas pernas.

Cuidados necessários com o cavalo

Pela sua robustez e vitalidade, o cavalo bretão não requer quaisquer cuidados específicos em comparação com outras raças de cavalo.

Por isso, os cuidados são, em suma, a serem tomados são:

  • Uma alimentação adequada e balanceada que envolva feno, grão e aveia limpa, além de água limpa e fresca;
  • A limpeza do cavalo deve ser feita antes e depois da montaria, já que isso dá a ele uma tranquilidade maior para o passeio ou um bom repouso pós-montaria;
  • Para a limpeza, busque fazê-la com a cardoa, uma escova de pelo duro, que é a recomendada pelos veterinários, pois não há o risco de incomodar ou machucar o animal, danos que podem ser causados por escovas de metal;
  • A consulta de um veterinário é necessária por, pelo menos, duas vezes ao ano, pois há cuidados com os órgãos e dentes que só um profissional é capaz de realizar.

Média de preço do cavalo Bretão

O valor do bretão é difícil de ser fixado, já que inúmeros fatores que elevam ou diminuem o seu valor, como a idade, por exemplo.

Mas, em consultas realizadas em sites específicos, o valor vai de 8 mil (macho com 10 anos) a 30 mil (fêmea com 8 anos).

Após a história e características da raça, confira algumas fotos:

Bretão

Bretão

Leave a Reply